Quarta-feira, 24 de Junho de 2009

             

A este mundo cheguei
Com vontade de chorar
Depois de ver minha mãe
A vontade era cantar

 

Minha mãe estáva feliz

Agarrou-me com jeitinho

Encostou-me ao seu peito

Mamei o primeiro leitinho

   

O meu primeiro banho
Senti-me muito mimado
Os carinhos eram tantos
Fiquei todo animado
               
Nasci numa casa pobre
Era humilde a casinha
Não importa como era
Eu senti que era minha

 

Minha mãe me embalava
Com pressa para trabalhar
Quantas vezes me cantou
Com vontade de chorar

 

Um pai eu nunca tive
Um pai que não me educou
Enganou a minha mãe
E depois a abandonou

               
 Antonio Assunção       
                               


tags:

publicado por ala-goulinho-poemas às 10:49
mais sobre mim
Janeiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes
pesquisar neste blog
 
Música para sonhar
subscrever feeds
blogs SAPO